222017mar
Pterígio

Pterígio

O pterígio é uma formação carnosa que avança sobre a córnea, geralmente do lado nasal. Trata-se de uma resposta do olho a um processo de irritação ocular crônica, em que a exposição à luz solar e ao vento têm um papel importante.

Sintomas

Além do olho vermelho, o pterígio causa sensação de corpo estranho e ardor ocular. O pterígio não leva à perda da visão; sua presença pode provocar alterações da córnea, com aparecimento de astigmatismos elevados, que muitas vezes não são corrigidos pelos óculos.

Captura-de-Tela-2014-06-26-às-22.52.14

Como prevenir

Pessoas que trabalham ao ar livre, expostas ao sol, vento, poeira, têm mais chance de desenvolverem pterígio.  Uma medida preventiva de grande importância é o uso de óculos de sol para proteção contra a radiação ultravioleta (UVA e UVB). Pessoas que andam de moto, ou mesmo de carro, devem evitar que o vento atinja diretamente os olhos, causando ressecamento e irritação crônica. O uso de lágrima artificial nestes casos é aconselhável.

Tratamento

Os cuidados anteriormente citados podem diminuir o risco de progressão e os sintomas desconfortáveis do pterígio que já se desenvolveu.

O tratamento cirúrgico está indicado nos casos em que o aspecto estético não é satisfatório e os sintomas são severos.

Os resultados da cirurgia costumavam ser desapontadores devido ao alto índice de recidiva da lesão. Novas técnicas cirúrgicas, incluindo o transplante conjuntival, a utilização de membrana amniótica com cola biológica  e o uso de drogas que inibem o crescimento celular como a mitomicina, estabeleceram um novo paradigma no tratamento cirúrgico do pterígio.




Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *